16 de novembro de 2014

Já fui cartunista



Desde a infância, desenhei bastante. Na pré-adolescência, passei a formatar melhor, fazer charges políticas, e tentar caprichar mais no traço. Na virada dos anos 90, tive o prazer de ter um desenho publicado na revista Níquel Náusea, do cartunista Fenrnando Gonzales. Meses depois, saíram três outros na Geraldão, do saudoso Glauco. Dias atrás, achei um exemplar à venda e comprei para fins de arquivo. Reproduzo abaixo a capa da edição e o melhor dos três cartuns então publicados. Eu tinha 14 ou 15 anos.

Um comentário:

  1. Ahhhh saudades do F.F! dr!!! gggallin(G.:.T.:.).:.

    ResponderExcluir